sábado, 1 de novembro de 2008

MISSÕES - VISÃO DO REINO DE DEUS






"Outra parábola lhes propôs, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao grão de mostarda que o homem, pegando nele, semeou no seu campo; O qual é, realmente, a menor de todas as sementes; mas, crescendo, é a maior das plantas, e faz-se uma árvore, de sorte que vêm as aves do céu, e se aninham nos seus ramos". Mateus 13. 31,32.

Assim é a igreja. O grão de mostarda não se transforma em árvore até que seja plantado. Não importa o que ela é agora, e sim o que ela virá a ser!
A grande dificuldade que a igreja contemporânea enfrenta é uma crise de visão e isso se deve ao fato de não conseguir compreender sua natureza e finalidade como Corpo de Cristo na transformação da sociedade.
O primeiro passo para uma Igreja ter uma Visão Missionária: é procurar entender a Grande Comissão, que é muito mais abrangente do que muitos possam imaginar. Por exemplo; A Comissão de Marcos 16, fala sobre o Evangelismo, de Mateus 28: Implantação de Igrejas, de Lucas 24: a importancia do Ensino, de João 20: o Envio Missionário, e a Comissão Global de Atos 1, que Jesus revelou no Monte das Oliveiras.
Quando a igreja compreende estes versículos, ela passa a ter a visão do Reino, ou seja, ser uma igreja voltada para o mundo.
A ler cuidadosamente o Evang. de Marcos (1.14,15), percebemos que Jesus começa o seu ministério com as seguintes palavras: “Jesus foi para a Galiléia, pregando o evangelho do Reino de Deus”.
O segundo passo para uma Igreja ter uma Visão Missionária: é entender a relação à visão e missão.
Visão é o lugar aonde se quer chegar.
Missão é o mapa que oferecerá a direção para o alcance do alvo Proposto – Missão é aquilo que você irá fazer.
Por exemplo, a missão de Moisés era tirar o povo de Deus, Israel, da escravidão no Egito (Ex 3.10). A missão de Davi era pastorear Israel (2 Sm 5.2), A missão de Neemias era reconstruir os muros de Jerusalém.
Qual é a Visão da igreja? Qual é a Missão da igreja?
É levar a mensagem do Reino as nações e Povos, ou seja, se tornar um povo missionário, uma comunidade missionária. Proclamar (Kerygma) Rm 10.9. Jesus é Senhor – é a marca da igreja missionária.
Jesus é o Senhor de todas as pessoas, de toda a criação e da Igreja. Ele envia seu povo para um encontro radical com o mundo.
Com a ajuda do Espírito Santo, e como Corpo de Cristo iremos transformar um mundo decadente em uma nova sociedade.

Amém, Ev. Alexandre Moreira.

Um comentário:

Reginaldo de Melo disse...

Paz do Senhor

Sou o Pr Reginaldo de Melo de Portugal, que esteve convosco no mês de Julho, que ministrou na terça feira, quando da visita do irmão cego, e que esteve ai a convite do Pr Bosco, penso que deve lembrar-se. Lí seu artigo e achei interessante, por isso deixo o comentário. Continue a nutrir esse amor pelos campos brancos. Sonho com uma inversão de visão mssionária na Europa, ou seja, em ver os brasileiros investindo nos nacionais, o que não acontece, uma vez que apenas congregam brasileiros (na sua maioria salvos no Brasil), com percentagens mínimas de conversão mesmo entre os brasileiros. Assim, há um potencial grande no campo, mas os recursos estão sendo mal aplicados, pelo menos na realidade Européia e USA, onde conheço bem a realidade. Creio que a diáspora brasileira para a Europa não foi nem é vã, e penso que se houver uma estratégia que parta da convenção geral no Brasil, os europeus poderão ser alcançados. Outro grave problema é a visão barsileira quanto à costumes e tradiçoes latinas e liturgia de culto, o que em detrimento do Evangelho impede que os nacionais sejam alcançados. Por exemplo, não se vê uma Igreja brasileira na Europa fazendo trabalho pioneiro com os nacionais, igrejas são plantadas apenas em lugares onde há brasileiros, essa é a estratégia usada. Assim, penso que esta realidade pode mudar no tempo de Deus. No próximo 2009, querendo Deus, espero visitar a EMAD pra conhecer o núcleo. Mantenho me em contacto.

Reginaldo de Melo
BD/BTh/MTh/
CV in Christian Ministry
Candidate to PhD

www.dunamisministries.info (em construção), ver link artigos...Missão em Atos dos Apóstolos, manografia traduzida para o português (Licenciatura em Teologia). Bençãos.